domingo, 25 de setembro de 2011

Unnamed Story 4

Olá leitores!


Ontem fiquei com vontade de escrever. Foi a primeira vez, desde agosto, que eu senti a inspiração. E já vou dizendo o nome do "muso": O livro A Walk to Remember (do Nicholas Sparks) em inglês! Encontrei este livro sexta e fiquei tão empolgada, mesmo lendo a história pela quarta vez, que senti as emoções necessárias para continuar my own book. Então aqui está a continuação, espero que gostem!


Duas semanas passaram e James não passou nem uma vez pra ver como eu estava. Pelo que eu fiquei sabendo, ele estava trabalhando na loja da mãe dele. Na vez que eu o encontrei sem querer na farmácia, ele sequer olhou para mim. Então, um dia, decidi que resolveria a questão de um jeito ou de outro.

Trabalhei na cafeteria até as dezessete horas, voltei para casa, tomei um banho e fui até a casa dele. Bati palmas. Quando estava quase desistindo, ele apareceu na porta. Estava com dois botões da camisa desabotoados e o cabelo molhado. Me distraiu, mas logo lembrei porque estava ali.

“Você poderia me explicar o que esta acontecendo?”

“O que esta acontecendo? Rebecca, seja mais específica por favor” disse ele, tapando os olhos com a mão para o sol não bater.

“Por que esta me evitando?” perguntei, a voz um pouco mais aguda do que eu esperava.

Ele respirou fundo. “O Chris me contou. Parabéns.”

“Que diabos você esta falando? O que o Chris contou?”

“Eu sei que vocês estão namorando.”

“O quê? Ele te disse isso? Nós não estamos namorando, mal falo com ele!” disse, batendo o pé com força no chão.

“É, eu imaginei que não.” Ele pegou minha mão. “Rebecca, o que você quer que eu faça? Eu pensei todos esses dias no que poderia ter te chateado naquele dia e não encontrei uma resposta”

Aquilo me desestabilizou e tive que me sentar nos degraus da casa dele para não cair. Ele fez o mesmo.

“Eu queria a resposta para a minha pergunta” respondi baixinho, com medo de parecer boba.

“E qual era a pergunta?” perguntou e parecia estar profundamente interessado.

“Você gosta de mim?” olhei para seus olhos azuis e minhas pernas ficaram bambas.

“Como nunca gostei de uma garota antes!” disse com um sorriso.

Bingo! Era isso que eu esperava e, dessa vez, eu o beijei. Como eu havia sonhado por muito tempo, ele era meu.


Mais uma pequena explicação: Esta não é a história pronta, é apenas um rascunho. Ou seja, é possível que eu faça mudanças, pequenas ou grandes, talvez até bruscas! Por isso estou disponibilizando para vocês lerem, sem medo que alguém pegue e diga que é dele. Afinal, vocês não ficaram sabendo o final por aqui mesmo... (haha como sou má!) =D


Até a próxima!


quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Top 10 filmes preferidos - Parte 2

Olá leitores!

Como prometido, os últimos cinco filmes do Top 10!

5. Os Delírios de Consumo de Becky Bloom (2009) - Confessions of a Shopaholic
Diretor: P. J. Hogan
Protagonistas: Isla Fisher e Hugh Dancy
É bom porque...: Primeiro porque ela é jornalista! Segundo porque tem o sotaque britânico maravilhoso do Hugh. E o maior motivo é... ham... você vai entender se assistir!

4. O Diabo Veste Prada (2006) - The Devil Wears Prada
Diretor: David Frankel
Protagonistas: Anne Hathaway e Meryl Streep
É bom porque...: História da gordinha jornalista que emagrece para se encaixar no mundo da moda. É praticamente uma passarela! E tem lição de moral no final. Irresistível!

3. Ela Dança, Eu Danço (2006) - Step Up
Diretor: Anne Fletcher
Protagonistas: Channing Tatum e Jenna Dewan
É bom porque...: Pra começo de conversa, todo filme de dança me encanta! Mas nenhum teve a honra de chegar ao top 10 como esse! Garota bailarina rica encontra rapaz dançarino de rua pobre. Mistura perfeita de música clássica com o hip hop. (Os atores acabaram casando e são super apaixonados na vida real! Oooowwnn *-*)

2. De Repente 30 (2004) - 13 Going On 30
Diretor: Gary Winick
Protagonistas: Jennifer Garner e Mark Ruffalo
É bom porque...: É aquele filme que faz você pensar sobre a vida, disfarçado de filme de garotinha. E quem não gostaria de ter a oportunidade de voltar e desfazer alguma burrada? (Pontos extras por ter o ator-mais-fofo-ever, Sr. Mark Ruffalo!)

E, sem nenhuma surpresa, o primeiro lugar vai para...
1. Bonequinha de Luxo (1961) - Breakfast at Tiffany's
Diretor: Blake Edwards
Protagoniasta: Audrey Hepburn, George Peppard e Patricial Neal
É bom porque...: Quando eu ouvi falarem que a personagem era uma prostituta, eu não acreditei. Até hoje não acredito. É tão sutil que você passa o filme inteiro sem ver nem cena nem conteúdo impróprio! A protagonista também é interesseira, mas Audrey mais uma vez se sai "melhor que a encomenda" e transforma Holly Golightly em um ícone do cinema! Aposto que você vai amar a canção "Moon River" e não vai conseguir tirar da cabeça!

Está apresentado então a minha lista! Espero que gostem das recomendações!

Até a próxima!

Top 10 filmes preferidos

Olá leitores!
Aqui vai um post decrescente dos 10 melhores filmes na minha opinião! A lista inteira, depois que fui notar, só tem comédias românticas! Metade sai hoje e metade sai amanhã!

10. Sabrina (1954)
Diretor: Billy Wilder
Protagonistas: Humphrey Bogart, Audrey Hepburn e William Holden
É bom porque...: O clichê da menina pobre e ignorada até o dia que sai da cidade, fica rica e bem arrumada. O que dá a leveza do filme é a interpretação graciosa de Audrey.

9. Ela é Demais (1999) - She's All That
Diretor: Robert Iscove
Protagonistas: Freddie Prince Jr. e Rachel Leigh Cook
É bom porque...: Outro clichê meloso, desta vez sobre o cara que faz uma aposta. Mesmo assim é gostoso de assistir e tem bons momentos! (E é interpretado pelo "príncipe" dos filmes melodramáticos!)

8. As Branquelas (2004) - White Chicks
Diretor: Keenen Ivory Wayans
Protagonistas: Shawn e Marlon Wayans
É bom porque...: Ah, esse eu não vou comentar. Noventa por cento dos meus amigos também gostam. E se você nunca assistiu, se mata! haha

7. Kate e Leopoldo (2001)
Diretor: James Mangold
Protagonistas: Hugh Jackman e Meg Ryan
É bom porque...: Quem não gostaria de encontrar um cara cavalheiro, bonito e romântico (e vindo do passado...) na Manhattan de atualmente? Essa é a sorte de Meg Ryan neste filme engraçado e meigo!

6. Um Amor para Recordar (2002) - A Walk to Remember
Diretor: Adam Shankman
Protagonistas: Shane West e Mandy Moore
É bom porque...: Esse filme não poderia deixar de estar no meio da lista! O nível de fofura ultrapassa o infinito e o choro é garantido no final! Mas também, é baseado em um dos livros de quem? Nicholas Sparks!

Até a próxima!

Ps. Nos próximos dias estará pronto o post sobre a continuação da minha viagem pelos EUA! Destino: Mont Laurel. Não percam!

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

New York

Olá leitores!

Tenho que confessar, o bichinho da abdução começou a me pegar! E esse bichinho tem nome: Cansaço! Apesar de fazer o que eu gosto, fico cansada no final da semana. Mas vou fazer o maior esforço para que meu blog não seja abandonado!

Embarquei no dia 22 de agosto para os EUA. Com duas malas despachadas, felizmente dentro do peso permitido, uma bolsa e minha mãe, comecei a viagem.

Cheguei em Newark e peguei um terremoto. Foi fraco, não senti, mas isso me impediu de ir para a casa da minha tia em Richmond naquele dia. Aí quando achei que o drama já tinha passado, fiquei sabendo que um furacão estava vindo!

Preciso dizer que não fiquei nem um pouco preocupada. Ao contrário dos americanos. Dica: Não acreditem 100% nas notícias de desastre que os jornais noticiam! Eles gostam de uma tragédia (??) e fazem de tudo pra aumentar a história! E o que aconteceu? A população se preparou, comprou estoque de comida, saíram dos locais onde o furacão passaria e bloquearam as pontes para Manhattan no sábado 27. Eu estava na casa da minha tia em Elizabeth e aquela cidade estava deserta! Em um sábado a noite!

Domingo de manhã, dia anunciado da passagem do Irene por aquelas bandas. Eu acordo e vejo o sol batendo na janelinha. COMO ASSIM? Sim, o enorme furacão tinha virado chuva de verão e já tinha passado! A tarde, nós (eu, minha mãe, meus dois primos e meus tios) decidimos ir para Manhattan. E lá também estava calmo, nada parecido com o que as pessoas me contavam.

Visitei o Central Park (cheio de lama), a loja da Apple (fechada para reforma)...
(Onde estão as pessoas? E os carros?)

... a luxuosa 5th Avenue...
(Louis Vuitton, Tiffany e Co., Forever 21, Armani, Salvatore Ferragamo, Diesel, Guess, Swarovski...)

... e a Times Square!
(Cansada de tanto andar, mas feliz da vida!)

Não dá pra ter idéia da sensação que é andar por todos esses lugares! No Central Park, não dava para perceber que o parque é artificial (eles projetaram o parque, ele não estava lá originalmente. Mas todas as arvores são de verdade!). Na Quinta Avenida, eu fiquei extremamente boba! As marcas mais legais do mundo estavam lá! Era como estar em um shopping ao ar livre! E o Times Square é lindo! Todos aqueles letreiros coloridos juntos não dão impressão de poluição visual, como eu pensava! É fácil passar a noite por lá e o tempo voar!

E não poderia deixar de passar neste lugar aqui:
(Se não fosse caro, seria irresistível!)

E tem coisas que eu não vi, terei de voltar pra terminar, olha que coisa ruim! haha

Até a próxima!

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Pequenas sabedorias da vida

Olá leitores!

Hoje meu pai (aka Sr. Giba) me mandou um e-mail desses que rodam a internet, tão lindo que me fez chorar! Parecia que eu estava ouvindo ele falando isso pra mim aqui do meu ladinho... Posso compartilhar com vocês?

1. Seja mais do que importante, seja raro!
2. A vida não é justa, mas ainda é boa.
3. Quando estiver em dúvida, apenas dê o próximo pequeno passo.
4. A vida é muito curta para perdermos tempo odiando alguém.
5. Seu trabalho não vai cuidar de você quando você adoecer. Seus amigos e seus pais vão. Mantenha contato.
6. Pague suas faturas de cartão de crédito todo mês.
7. Você não tem que vencer todo argumento. Concorde para discordar.
8. Chore com alguém. É mais curador do que chorar sozinho...
9. Poupe para a aposentadoria começando com seu primeiro salário.
10. Quando se trata de chocolate, resistência é em vão.
11. Sele a paz com seu passado para que ele não estrague seu presente.
12. Está tudo bem em seus filhos te verem chorar.
13. Não compare sua vida com a dos outros. Você não tem ideia do que se trata a jornada deles.
14. Se um relacionamento tem que ser um segredo, você não deveria estar nele.
15. Respire bem fundo. Isso acalma a mente.
16. Se desfaça de tudo que não é útil, bonito e prazeroso.
17. O que não te mata, realmente te torna mais forte.
18. Quando se trata de ir atrás do que você ama na vida, não aceite não como resposta.
19. Prepare-se bastante, depois deixe-se levar pela maré.
20. Seja excêntrico agora, não espere ficar velho para usar roxo.
21. Ninguém é responsável pela sua felicidade além de você.
22. Encare cada "chamado" desastre com essas palavras: Em cinco anos, vai importar?
23. Sempre escolha a vida.
24. Perdoe tudo de todos.
25. O que outras pessoas pensam de você não é da sua conta.
26. O tempo cura quase tudo. Dê tempo ao TEMPO.
27. Independentemente se a situação é boa ou ruim, irá mudar.
28. Não se leve tão à sério. Ninguém mais leva...
29. Não faça auditoria de sua vida. Apareça e faça o melhor dela agora.
30. Envelhecer é melhor do que a alternativa de morrer jovem.
31. Seus filhos só têm uma infância.
32. Tudo o que realmente importa no final é que você amou.
33. Vá para a rua todo dia. Milagres estão esperando em todos os lugares.
34. Se todos nós jogássemos nossos problemas em uma pilha e víssemos os de todo mundo, pegaríamos os nossos de volta.
35. Inveja é perda de tempo. Você já tem tudo o que precisa.
36. O melhor está por vir.
37. Não importa como você se sinta, levante-se, vista-se e apareça.
38. Desabafe sim com amigos, mas entenda que eles não devem carregar teu fardo.
39. Produza.
40. Ame
41. Deixe-se amar
42. Mulheres: maquiagem não faz mal a ninguém!!! Homens: barba feita é sinal de que você se importa!
43. A vida não vem embrulhada em um laço, mas ainda é um presente.

Dá pra pensar um pouquinho sobre a vida né?!

Até a próxima! (Um post sobre New York! \o/)

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Dica de Seriado: Hellcats

Olá leitores!

Gente, estou viva tá?! Morri não, por enquanto! É que o tempo está meio apertado, estou trabalhando bastante e curtindo! Então enquanto não sai os posts da viagem e enquanto eu não continuar mais um pouco da Unnamed Story no computador, eu vou dar uma dica de um seriado recém-descoberto, pelo qual já me apaixonei!

Hellcats, apesar do nome, é um seriado baseado em emoções. Ele conta a história de Marti, estudante e bolsista de Direito na universidade Lancer e dona de um estilo ousado. Ela acaba perdendo a bolsa por causa da mãe desastrada e acaba tomando uma decisão: Entrar para a equipe de líderes de torcida (Hellcats, daí o nome do seriado) para continuar com a bolsa.


Sim, parece um seriadinho fútil e clichê, com competições e brigas de garotas. Não é bem assim... Há personagens bem construídos, como a cheerleader certinha e metódica interpretada por Ashley Tisdale, que não traz nenhum resquício da patricinha Sharpay de High School Musical. A agradável surpresa é a estréia de Aly Michalka, que fez sucesso há algum tempo atrás com sua irmã na dupla pop Aly e AJ, como a protagonista.

E vamos combinar né garotas, quem não gostaria de ter uma barriga que nem essa da Aly?! Eu queria! haha

Até a próxima!

sábado, 3 de setembro de 2011

Despedidas

Olá leitores!

Fiquei triste que não consegui fazer o famoso "last post from Brasil"! Tudo aconteceu tão rápido e, também por falta de internet, quando eu vi, já estava em terras americanas! Novamente sem internet decente! Então esse post é sobre o fim de semana que antecedeu a grande viagem.
Enjoy! ;D

O fim de semana dos dias 20/21 de agosto foi o melhor que eu já tive até agora! Sexta a noite eu aproveitei para ficar com minha família, afinal, eu ficaria muito tempo sem vê-los. Fui dormir tarde e acordei cedo para preparar almoço e me arrumar para a igreja. O almoço foi muito bom, ainda mais com a presença do meu irmão Will.

(Essa é minha galerinha que eu amarei para sempre, não importa onde eu esteja!)

O Branches foi todo cheio de despedidas, porém não chorei, estava com dor de cabeça - aka falta de dormir. No final, o seu Leonel chegou todo atrasado (mas veio!) e me deu uma cesta liiiinda de presente, com um ursão lindo que eu dei o -nada- criativo nome de Léo!

A noite de sábado chegou e eu estava MUITO sonolenta. Era questão de segundos para eu dormir! Mas a Jaque chegou e me animou para ir no Shopping Curitiba. Lá, encontrei os lindos Samir, Edson, Marcelo e Andréia! Foi uma noite muito divertida, tiramos muitas fotos e acabamos indo para o apart da Dé assistir filme.
(Eu brizando no guri loiro da outra mesa, nem sabia que estavam tirando foto!)

Fim de noite e sobraram apenas eu, a Dé e a Val (que chegou depois). Ai que noite tudodebom! Não posso contar muito porque "o que acontece no apart da Dé após a meia noite, fica no apart da Dé". No outro dia de manhã, era para passearmos na feirinha do Largo da Ordem, mas acordamos muito tarde. A Re passou para me levar no Sorella! A família do Will também foi e eu comi muito! Ô comida boa hein?! Principalmente a sobremesa, um prato cheio de sagu com creme!

A tarde pegamos o carro, fomos até o Shopping Barigui fazer compras de ultima hora. Saímos e acabamos nos perdendo numa estrada bem estranha no bairro Campo Comprido! Achado o caminho, voltamos ao centro e paramos em um prédio desconhecido para "pegar o Hugo e ir para o Shopping Curitiba". Chego no salão de festas do prédio e todo mundo grita "SURPRESAAAAAA!!!"! Yeeeay, era minha festa surpresa de despedida!! \o/
(Uns fofos né?! *-*)

Estava todo mundo legal que eu conheço em Curitiba! (Ok, mentira, porque alguns lindos faltaram! Mas estão perdoados!) Eles me fizeram sentar em uma cadeira e passaram um vídeozinho-dos-melhores-momentos e me fizeram discursar. Aí não aguentei! Chorei rios de lágrimas enquanto falava para eles o que eles representavam para mim! (Se um dia colocarem o vídeo desse discurso no youtube, juro para vocês que posto aqui!)

Eles compraram pra mim uma bandeira, onde todos assinaram, e o Léo Boff me deu um macaquinho que ria loucamente. Desta vez fui realmente criativa, porque o macaco tinha cara de se chamar Chewbacca! Comemos pizza e jogamos truco/uno/imagem-e-ação. Saí de lá com um sorriso de orelha-a-orelha!
(Bate no 7! Se joga, não importa de que jeito! haha)

Novamente, obrigada a todos vocês, meus amigos, que foram e/ou que ajudaram! E um thanks super especial às idealizadoras da festa: Valéria Santos, Andréia Andrade e Regiane Pacine! Amo vocês!
(Dé e Val, meus amores!)
(Pra sempre amigos nós vamos seeeer...)

Até a próxima!